Aprender

Apesar de incorrer no pecado de utilizar chavões estereotipados, não deixo de afirmar que a experiência da vida é uma aventura que só se atinge o objectivo, passando por um longo percurso de tentativas e erros. Erros esses que nos fazem aprender, a melhorar, a ser mais lúcidos e maduros.

Bater com a cara na porta e uma lição que dói, mas é uma lição necessária. Sem o erro, o logro, o insucesso, não somos capazes de acordar do país dos contos de fadas e procurar na profundidade do nosso ser o melhoramento e o rejuvenescimento necessários para que não nos tornemos em algo de oco.

Nem tudo são rosas, mas também, nem tudo são espinhos. Por cada prova de obstáculos, vislumbra-se uma meta e um pódio que nos aguardam. E por essa meta, onde todos que a cruzam têm medalha, vale a pena correr.

1 opinião sobre “Aprender”

  1. Isso tudo o que escreveste é verdade, mas o meu pai costumava dizer-me uma coisa que tento sempre que possível aplicar na minha vida: “Esperto é aquele que aprende na cabeça dos outros”… Com os erros cometidos por eles podemos evitar alguns nossos… No entanto nem sempre conseguimos fazê-lo e só aprendemos mesmo com a nossa cabeça, isto é, com os nossos erros!…

Deixar uma resposta