Campeões como é natural

O meu muito amado FCP sagrou-se novamente campeão nacional de futebol como seria de esperar, com toda a naturalidade acumulando 25 títulos.

O grande motivo de regozijo porém foi sagrar-se campeão na casa do adversário ódioso que lhe proporcionou uma festa as escuras num espectáculo de extrema falta de fair play. Quem não sabe perder não é digno nem tem ombridade. Mas isso não é nenhuma novidade. E será assim que rezará a história deste campeonato: o Porto ganhou bem e o Benfica mostrou a sua verdadeira face.

Deixar uma resposta