Um dia pacato…

A tarde corre lentamente mas o dia é pacato o suficiente para eu estar menos stressado. Só é pena estar a 316 km de casa e saber que sou esperado com ansiedade. As vezes a distância não é apenas física e surge numa forma de barreira que nos impede de comunicar. Mas quando se está longe e a barreira também existe torna-se mais insuportável.

Hoje quero passear por ruas novas e procurar um local desconhecido em que me sinta confortável. Poderá parecer um contra-senso mas por vezes sem o sabermos há um local que nos puxa e está à nossa espera…